Relíquias Sagradas do Profeta Muhammad Salalaho Aleihe Wasalam

0
1514

Todos os Louvores são para ALLAH, O Senhor dos mundos, Beneficente e Misericordioso, Senhor do Dia do Julgamento, A Ti Sómente Adoramos, A Ti Sómente pedimos ajuda, mostra-nos o Caminho Recto, O Caminho Daqueles a quem Tu concedeste a Tua Graça, não desses que incórrem na Tua cólera, nem desses que se perdem-amin.

Que a Paz de ALLAH, bem como a Sua Infinita Misericórdia e bençãos estejam Com O Líder dos Líderes, O Rei dos Reis, O Último Mensageiro de ALLAH, a Dádiva de ALLAH para todo o universo, a Personalidade do Nosso Querido e Amado Profeta Hazrat Muhammad Mustafa Rehmatulilalamine Sallallahu Aleihi Wassalam, assim como para os Respeitados e Abençoados Membros da Sua Família (Ahlul Beit) e prestigiados Companheiros (Ass-hab kram), que Allah esteja satisfeito com eles.

Que ALLAH santifique a Realidade Mística dos Seus Abençoados e Piedosos Servos (Awlya-ê-Krám).

É com uma enorma satisfação que acolhemos o mês de Rabi-ul-Awwal em 1433, o terceiro mês do ano islâmico que assinala o Nascimento do Profeta Muhammad , o Mensageiro de Allah para toda a humanidade, o Selo dos Profetas e Misericórdia para todos os domínios da existência.

Neste período de bençãos, os muçulmanos manifestam a sua gratidão A Allah, O Majestoso e Honorável pelo seu Amor pelo Profeta Muhammad , através da indicação implícita no Sagrado Alcorão:

Dize: Alegrai-vos com a graça e a misericórdia de Deus! Isso é preferível a tudo quanto entesourarem!

Alcorão [Yunus 10:58]

Allah, O Majestoso e Honorável ordena a sua criação a demonstrar a sua felicidade pela suas bençãos e o Profeta Muhammad  é a Maior Benção para a humanidade.

Os Estudiosos do islão sublinham que as celebrações do Nascimento do Profeta Muhammad  são lícitas, recomendáveis e aproximam o crente a Allah, o Majestoso e Honorável.

É nesse sentido que são organizadas sessões de esclarecimento, recitação do Alcorão, recitação de poesia com a vista a enaltecer a Personalidade do Profeta , exposição de relíquias pertencentes ao Querido Mensageiro , procissões que assinalam a vinda do Profeta Muhammad como motivo para festejos e alegria entre várias outras iniciativas.

Em Portugal, a AEIP Associação para a Educação islâmica em Portugal, Dar-ul-uloom de Odivelas organiza a exposição do Cabelo Sagrado do Profeta Muhammad , pois o islão acrescenta um valor espiritual elevado a todos os pertences que estejam associados a Personalidades Religiosos e Místicas.

Cabelo Sagrado do Profeta Muhammad

O Cabelo do Profeta Muhammad  existe actualmente em várias partes do mundo islâmico, pois a tradição remonta inclusive ao período de vida do Mensageiro de Allah  quando os seus abençoados companheiros guardavam os seus pertences, não só como sinal de respeito mas como forma de obter bençãos nas suas vidas, nas suas casas e nos seus íntimos.

A partir da autenticidade da tradição (Ahadith) do Profeta Muhammad , é claro e transparente que a preservação e o respeito pelos cabelos do Profeta  são uma prática por si encorajada:

Imam Bukhari (que Allah esteja satisfeito com ele), considerado um Estudioso Islâmico que compilou os Ahadith do Profeta Muhammad  , sendo a sua pesquisa considerada a mais autêntica a nível de tradições proféticas, narra no seu Sahih (Sahih al Bukhari, Book of Clothes, Hadith n. 5446) de Anas bin Malik (que Allah esteja satisfeito com ele), companheiro do Profeta  que:

“Quando O Profeta  rapava o seu cabelo (por ocasião da Peregrinação, HAJJ), Abu Talha era o primeiro a recolher esses cabelos”

– Anas (que Allah esteja satisfeito com ele) reporta:

“Eu vi o Profeta  quando o barbeiro cortou o seu cabelo. Os Companheiros (que Allah esteja satisfeito com eles) rodeavam-no . Cada um ansiava por obter os cabelos sagrados nas suas mãos.”

Se estes cabelos não tivessem qualquer importância, o Profeta  proibiria os seus Companheiros de guardá-los. Mas não há nenhuma informação nesse sentido. Até pelo contrário, o Profeta  encorajava os seus Companheiros a guardar os cabelos, como forma de obtenção de bençãos. A análise do Imam Muslim (que Allah esteja satisfeito com ele), claramente demonstra a vontade do Profeta , quando foi dito a Abu Talha pelo próprio Mensageiro de Allah :

“ Distribui os cabelos às pessoas”.

Há várias narrativas, inclusivé uma tradição de uma das esposas do Profeta Muhammad , Hazrat Umm Salamah (que Allah esteja satisfeito com ela) que costumava preservar o o Cabelo Sagrado do Profeta Muhammad  numa caixa de prata. Sempre que alguém adoecia, vinham ter com Hazrat Umm Salamah (que Allah esteja satisfeito com ela) trazendo consigo uma bacia com água. A esposa do Profeta  tocava o Cabelo Sagrado em água e facultava ao doente para que bebesse dela ou se lavasse, de forma a servir de cura (shafa’at) para a doença.

Estas reliquias de elevado valor espiritual permitiam aos seus guardiões todo o tipo de bençãos, até mesmo quando se procurava vitórias em tempos de guerra.

Qazi Ayadh escreve que Khalid ibn Walid (que Allah esteja satisfeito com ele), um Companheiro do Profeta Muhammad , distinguido na história islâmica pelo seu papel fulcral nas Forças Militares do islão, costumava guardar alguns cabelos do Profeta  no seu chapéu nas alturas das batalhas.

Numa das batalhas, nomeadamente a Batalha de Yamama, o seu chapéu caíu acidentalmente. Ao invés de continuar a lutar, o Comandante do islão parou para procurar o seu chapéu. Os seus companheiros ficaram surpreendidos e confusos quando o viram a arriscar a sua vida pelo seu chapéu. Após o fim da batalha, Khalid ibn Walid (que Allah esteja satisfeito com ele), explicou aos seus companheiros a importância deste ato:

“Eu não o fiz pelo chapéu, mas pelo Cabelo do Profeta  que era aí transportado, pois não quis estar isento das bençãos do Cabelo e simultaneamente quis evitar que caísse nas mãos dos idólatras”.

Ainda em relação aos bençãos do Cabelo do Profeta , há passagens indicando que alguns Companheiros e personalidades piedosas manifestaram o seu desejo em guardar os pertences do Profeta  para que pudessem levar consigo, nas suas campas, pois acreditavam que as relíquias trariam benefícios após as suas mortes, nomeadamente Anas ibn Malik (que Allah esteja satisfeito com ele), Mu’awiya (que Allah esteja satisfeito com ele) e Ahmad ibn Hanbal (que Allah esteja satisfeito com ele), retirado do livro Tabarruk al-Sahaba bi Athar Rasul Allah, pelo Sheikh Muhammad Tahir ibn Abd-al Qadir ibn Mahmud al-Kurdi. Mataka al-Qahira Publications, Cairo, paginas 13,16,17 e 24.

No entanto, é necessário um enorme respeito ao visitar uma exposição do Cabelo Sagrado do Profeta Muhammad .

Quando tiver a oportunidade, recomendamos ao leitor que proceda com as Etiquetas de Ziyarah (Visita) do Cabelo Sagrado.

  • A pessoa que efetuar a visita à exposição do Cabelo do Profeta Muhammad , deverá estar em estado de ablução (wudhu).
  • É encorajada uma atitude de enorme humildade e gratidão
  • Deverão ser recitados o número máximo de bençãos (Darud sharif e Salat-t-salam) elevando a Personalidade do Profeta Muhammad .
  • É desaconselhável virar as costas, de forma a demonstrar o máximo respeito
  • É recomendável manter a voz sem elevá-la, como forma de respeito

Rogamos a Allah Todo Poderoso e Sábio que perdoe as nossas falhas que possam ter ocorrido na produção deste trabalho e que nos faça merecedores das bençãos do mês abençoado de Rabiul-awwal-ameen.

Fontes:

The Islamic Education & Cultural Research Center non political, non-profit 501(c)3 community based organization, nos EUA e Canadá

http://www.iecrcna.org/site/

Islamic Centre, no Reino Unido http://www.islamiccentre.org/presentations/Blessed_Hairs.pdf