O que é o Sufismo ?

0
2200

Atualmente o ser humano depara-se com várias questões, a nível espiritual.

Na religião islâmica, o conceito de espiritualidade está associado a misticismo.

E quando se fala em misticismo no islam, está-se a falar de sufismo.

Mas perguntemo-nos primeiro,

O que é o Sufismo ?

O Sufismo é a resposta que se aplica a todas as épocas, para a purificação da alma humana. O Querido Profeta Muhammad  é considerado O Verdadeiro Mestre Espiritual da criação humana e o ponto de ligação da criação, com o Senhor do Universo, tal como nos indicam os seguintes Versículos do Alcorão:

Ele foi Quem enviou, entre os iletrados, um Mensageiro da sua linhagem, para ditar-lhes os Seus versículos, consagrá-los e ensinar-lhes o Livro e a sabedoria, porque antes estavam em evidente erro [Alcorão Surah Al Júmu’a (62ª surah, Nr.2)]

No versículo acima, Allah O Majestoso define quatro funções pelas quais O Querido Profeta Muhammad  foi enviado:

1)    Ele () providencia ao povo, o código de vida Divino, i.e., Lei de Deus, i.e. a Shariah, também conhecido por Lei Islâmica

2)    Ele () purifica aqueles que aceitam a mensagem, não obstante o processo de purificação ser diferente da aprendizagem da Shariah

3)    Ele () ensina o Alcorão (Kitab) e,

4)    Ele () ensina a sabedoria

Deter o conhecimento exclusivo do Nobre Alcorão não é suficiente. O que é importante é saber como agir como muçulmano e como proceder em relação à realidade das coisas. O purpósito dos Ahadeeth (Ditos, ações e tradições do Profeta Muhammad ) é demonstrar como o Profeta Muhammad  rectifica o seu ego (nafs) , como é que as pessoas deverão agir perante as necessidades das sociedades em que estão inseridas e como deverão viver de acordo com o Alcorão e a Sunnah.

A Purificação envolve a eliminação de impurezas da alma (razail) relacionadas com o ego do ser humano e o de adorná-la com qualidades louváveis (fadail) tais como a paciência, tolerância, tranquilidade, empatia e acima de todas, o Amor pelo Criador, pelo Seu Mensageiro, O Profeta Muhammad  e o resto da criação. A alma e corpo na Tradição Islâmica podem ser vistos, por analogia, a um cavalo selvagem e ao seu respetivo cavaleiro que por sua vez, precisa de domesticar e amparar a sua parte espiritual e não se deixar levar pelas suas tentações.

O termo Tasawwuf deriva de safaa, que significa:

“ser ou tornar-se limpo, puro, límpido, imperturbável e sereno”

Ainda uma leitura é feita em relação aos Companheiros (que Allah esteja satisfeito com eles) do Profeta Muhammad , que costumavam-se sentar em frente à porta do Querido Profeta Muhammad . A sua proximidade com o Profeta  beneficiou-lhes em conhecimento direto e purificação dos seus egos, sendo por isso conhecidos como Ashab-us-Suffa i.e., “Pessoas purificadas”.

O termo “Misticismo” tem vários sinónimos no islam: Ihsan (embelezamento), Qurb (Proximidade com Deus), Tariqat (caminho, i.e., trilho da viagem para se aproximar a Deus), Suluk (viagem a Deus), Tasawwuf ( que etimologicamente significa: utilizar uma veste de lã, referindo-se às vestes de lã utilizadas pelo Profeta Muhammad e pelos seus companheiros mais próximos (que Allah esteja satisfeito com eles). O verdadeiro significado desta palavra tem sido objeto de discussão permanente e vários livros foram publicados a este respeito. Em suma, a pessoa que se compromete a purificar a sua alma das impurezas do mundo, é denominada de Sufi. Este termo designa os Santos e Adeptos espirituais da Tradição Islâmica.

Aprofundando ainda mais este conceito, Sufismo ou Tasawwuf significa Tazkiyah nafs (purificação da alma e do coração). Todo o ser humano se depara durante a vida com obstáculos que provêem do seu próprio “eu”. Surgem também obstáculos exteriores à sua realidade com os quais ele terá que saber viver e agir. O sufi terá que enfrentar e vencer esses obstáculos, com sucesso. De outra forma, ele(a) nunca poderá ser muçulmano na verdadeiro significado da palavra.Consequentemente, é necessária uma metodologia (através da  Lei Islâmica, i.e., Shariah)para responder a todas a estas questões, especialmente sobre como ser um muçulmano e como modelar a Personalidade humana, de acordo com o islam. Nesse sentido, é que surge a palavra Tariqah, que significa metodologia para praticar a Shariah. E quem adota a Shariah obtém como recompensa a Ma’rifah, Conhecimento Profundo de Deus. No islam, o termo ilm é conhecido para designar conhecimento e Irfan que serve para desginar algo maior que o conhecimento normal. A recompensa é obter o conhecimento das coisas exatamente como se nos é apresentado e não como aparentam ser. A Tariqah nos ensina a metodologia para alcançar o verdadeiro conhecimento proveniente da própria fonte, i.e., de Allah, O Majestoso, através do Alcorão e da Sunnah. Tariqah é a metodologia para praticar o islam, no verdadeiro sentido da palavra, i.e., paz interior e exterior.

Estas notas foram retiradas do livro Spiritual Journey through islam, pagina 20-21, Capitulo 8 (Ihsan and Tasawwuf), de excertos retirados de IECRC Research Publication: Western Perceptions of Islam and Global Terrorism by Dr. Mohammad Ahmed Qadri, PhD. Oct 2004 Chapter 8 pg 43-48

Link: http://www.iecrcna.org/publications/books/Islam_Book.pdf